terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Imagem da administração municipal de Bacabal

"Bacabal Agora Sim"!

Durante quase 3 meses, em palanques...firmes discursos, ou nas ruas, apertando as mãos ou abraçando o povo, desenhando a imagem do que seria Bacabal num futuro breve, não importando o tamanho do buraco que por ventura viesse ficar, daquela que seria "a administração passada".

Três candidatos, cujos currículos, não deixavam dúvidas da integridade dos donos. "Bacabal de novo nas mãos do povo". "Uma nova história para Bacabal". "Bacabal no rumo certo", depois de varrer a sujeira...

Hoje é o amanhã de ontem. A história é outra. Na disputa eleitoral um só, foi vitorioso, e já era previsto. Quase 60 dias depois começa aparecer o que não se previa, digo, o que os candidatos da disputa não previam, ou pelo menos não demonstravam. O rombo que parece querer impedir o bom desempenho do atual gestor. O pecado da administração passada.

Vêm as perguntas:
O atual gestor municipal, cidadão, sem sombra de dúvidas, inteligentíssimo, não previa o desfalque, que hoje é usado como pretexto? e se previa, porque não pediu uma auditoria, antes de assumir tão importante cargo, uma vez que plantou a esperança de uma mudança verdadeira? 

A população, tão necessitada de um representante que atente para os seus clamores, mais uma vez, vai pagar pelos erros dos que foram substituídos?

Afinal de contas, quando podemos contar com um discurso sério vindo de um candidato?

O poder, é mesmo maior que a dignidade engrandecedora que constrói o homem? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário