quinta-feira, 25 de julho de 2013

Um momento especial para os brasileiros

Estamos vivendo um momento especial. Nós o povo brasileiro, estamos com o Papa, ou o Papa está conosco, como preferirmos.

Estamos sediando a 27ª Jornada Mundial da Juventude.  A mensagem principal, será, sem dúvida nenhuma, a aproximação de Deus, mesmo com outras palavras.

O mundo parece sem controle. O homem parece não controlar mais sua emoções. A falta de Deus parece visível. O desejo de ter, e ter, no que diz respeito a bens materiais, a tudo supera. Conhecemos a Glória do dinheiro, adoramos, não a "imagens e esculturas", ou outros símbolos religiosos, mas ao dinheiro. A medida do ter, que nunca enche, nos induz...empurra mesmo às pregações grandiosas, e  às promessas de milagres. Citamos o dízimo, como pedido da lei de Moisés, porque o dinheiro tem poder de compra, mas esquecemos do "Amai-vos uns aos outros"de Jesus Cristo, porque nada exige e nada obriga. Falo do Cristo que disse: Aqui está quem é maior que as leis, que Salomão, que Moisés, que Sábados e todo tipo de hipocrisia que os homens praticam. Falo do Jesus que disse: "nunca vi fé tão grande, nem em Israel. Em verdade virão muitos do Oriente e do Ocidente e tomarão assento à mesa, com Abraão". 

É lamentável, senhores(a), ver, cristãos, que têm nos ombros a responsabilidade de construir, através do Evangelho, um mundo melhor, abrindo mão da tarefa e correndo em busca do poder dos Homens e das riquezas materiais, nas primeiras chances que aparecem, mesmo que para isto tenha que mudar a forma de interpretação das leituras bíblicas, ou encontrar trechos que se adeque aos nossos atos. Se for preciso, usamos os capítulos e versículos bíblicos, a nosso favor, justificando o que nos agrada e advogando em causas próprias, tendo a Bíblia, que consideramos livro sagrado, como Juiz contratado para dar no final do julgamento, o veredicto final a nosso favor. 

Quando escrevemos textos assim, não nos colocamos fora dos erros acima citados, mas nos obrigamos a ver o erro e assim, evitarmos que nos venha o julgamento justo e eficiente de Deus.

Escrito por Jeremias, fotógrafo e blogueiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário