segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Dia do Fotógrafo, parabenizado por Osmar Noleto

Fui surpreendido ontem pela manhã, pelo apresentador Osmar Noleto. No momento que liguei a televisão,  ele, em nome do "Repórter Fotográfico  Jeremias", parabenizava aos fotógrafos de Bacabal. Sou muito grato a você, amigo Osmar Noleto, os parabéns vieram um pouco antecipados, mas não faz mal. Eu, Jeremias, sinto-me honrado, porque fui citado por um grande nome da Imprensa Televisiva de nossa cidade, como me sinto igualmente honrado por ter sido citado, em nome dos Fotógrafos, colegas de profissão e companheiros, que vencemos as diferencias, e lutamos unidos no empenho e na crença, de que, -registrando os momentos-, estamos também, garantindo de maneira digna, o nosso sustento, de nossas famílias e das pessoas que solicitarem nossa ajuda.

O dia do Fotógrafo,  é comemorado em 08 de Janeiro, mas fica registrado aqui, o seu respeito, Osmar,  pela Classe. A importância do fotógrafo, não é maior que a dos ilustres Apresentadores de Programas de Televisão, verdadeiros Repórteres e Artistas, que por trabalharem com imagens em movimento, reconhecem a importância da imagem parada ou congelada, que mesmo antes das Câmeras, que escrevem, ou gravam a imagem através da luz, já contavam as histórias e demonstravam sentimentos, quando, depois de algum tempo diante de um cavalete, com um pincel e tinta, o pintor dava  forma, tornando-se Retratos, eternizando os nomes dos seus Artistas e contando a história, que nos fazem reviver e refazer os passos dos nossos antepassados. 

Somos conhecidos, porque somos divulgados, e a televisão faz isso muito bem. Fotógrafos e Imprensa televisiva são colegas.  Isso mesmo, somos colegas. Muitas das vezes nos encontramos pelos caminhos da notícia, que levam os fatos à comunidade de nossa cidade, do Maranhão...e certamente do mundo. Somos instrumentos de informações, e se observarmos a verdadeira necessidade do verdadeiro progresso, entenderemos que, se procedermos no caminho da verdade, com nossas informações, estaremos haptos a receber o salário que a vida certamente tem para nos dar. Salários, colegas, que não se pode medir por uma quantia qualquer de dinheiro, que muito embora indispensável, é pouco, comparado com o valor do reconhecimento, prêmio almejado por todos.

Às vezes, é notada uma certa intriga entre membros da Imprensa, o que não é bom. Somos profissionais, filhos legítimos ou adotivos desta terra e deste povo. Representamos a maioria, o povo, porque somos povo. Somos seus olhos, e prestamos bons serviços,  e se não a contento, mas é esse o propósito. "Todos nós desejamos ajudar uns aos outros. Os seres humanos são assim. Desejamos viver para a felicidade do próximo – não para o seu infortúnio." Fiz questão transferir o trecho acima do grande  Charles Chaplim, no filme "O Grande Ditador". Prestamos serviços ao povo e aos representantes do povo. Não podemos está contra  quem quer que seja, muito menos contra os próprios colegas. O partidarismo, caminho pelo qual se escolhe um representante, não pode separar a Imprensa, como não deveria separar o povo.

Aqui, os agradecimentos, que acredito, a classe dos Fotógrafos gostaria de deixar, e eu, Jeremias, tomo a liberdade de fazê-lo. 

Aqui, gostaria de citar os nomes dos nossos apresentadores, que tenho certeza, lembrarão dos Fotógrafos em seu dia. Nando Sousa, Handson Laércio, Alberto Barros, o amigo James, Brasil, o amigo Salomão Duarte, o amigo J Erre, o amigo Israel Braga, Israel Oliveira, Os nossos Pastores evangélicos, os Câmeras Man e o amigo, Radialista, Jornalista e apresentador, o idealizador do Programa Roda Viva,que antecipadamente nos parabenizou...Osmar Noleto

Nenhum comentário:

Postar um comentário