terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Morre Tupinamba


Tupinamba, que procurou, e de manheira clara, cumprir o papel de chefe de família, de bacabalense por vocação, de amigo, para os que o procurava, de cidadão...de ser humano, acredito eu, agora parte, em busca de uma nova missão. 

Para os familiares, para aos amigos e para os que o conheceram, fica uma lacuna, mas fica também a certeza de que não sabemos a hora da partida, por isso, tomemos como lição, o contribuir, o servir, o amor ao próximo e acima de tudo, o buscar a Deus, antes de qualquer coisa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário