quinta-feira, 26 de junho de 2014

Campanha Política-Pré-candidatura ao governo do estado do Maranhão



Não podia ter sido melhor! A Reunião política, para apresentar o quase candidato ao governo do estado do Maranhão, Senador Edson Lobão Filho, começou com uma bênção de Frei Cláudio Santos, diretor do CEFRAM, em Bacabal, que em sua breve pregação, sugeriu aos futuros candidatos, de modo particular,  ao candidato a candidato a governador, Senador Lobão Filho, que cumprisse a missão para a qual pode ser escolhido.

Encerrando, sua parte, o Frei sugere a oração do Pai Nosso, quando todas as autoridades curvam-se, e de mãos dadas atendem, rezando.


O Frei, com gesto fraterno, sugerido pela Igreja de Jesus Cristo, cumprimenta às autoridades. A aparente gratidão de Lobão Filho é visível, que emociona, como emocionam também suas palavras, em inspirados discursos, ao longo de suas caminhadas. Como, indiscutivelmente, sempre emocionaram os discurso do grande Político, sr. Senador José Sarney. Que também, indiscutivelmente, fez menos pelo Maranhão do que sugeriram os mesmos discursos. Assim como, fizeram menos também, todos os outros ilustres políticos, de grupo A ou B, que com discursos semelhantes, imprecionaram a muitos, a ponto de garantirem suas vitórias.


No caso do Pastor Jácson, pessoa aparentemente esforçada em fazer bonitas pregações, que também teve sua parte na reunião política, fez elogios ao pré-candidato. Fez jejum, de acordo com ele mesmo, em prol da candidatura do nome Lobão Filho. E comparou a campanha política com uma Guerra.

Tudo muito bonito! O respeito às autoridades, em forma de bonitos elogios, parece superar ao respeito sugerido pela Igreja,  que procura atender aos apelos de Jesus Cristo, acolhendo aos pobres e desvalidos, e injustiçados pelo poder dos representantes políticos, que quando se tornam maiores que o povo, buscando a eternização do poder, apelam para todo tipo de jogo, fazendo de um cargo público, propriedade privada.



A visível harmonia, 
também emociona!
Vejamos o tamanho 
da amizade...chega
a causar inveja...











O Senador João Alberto, em seu discurso, frisou a questão dos buracos da cidade, mas, para acabar com eles(buracos), precisa eleger Lobão Filho, foram as palavras do próprio Senador.O problema, é que o mesmo Senador, pediu voto para o nosso atual prefeito, para acabar com os buracos  e ajeitar toda a cidade.

Senhores(a), o Senador João Alberto, que já fez muito por nossa cidade, que também é sua, está eximindo o nosso ilustre prefeito de qualquer culpa, no que diz respeito aos muitos buracos. Então, se não é culpa do prefeito, é de quem? Não concordo também com a oposição, porque, se aproveita do erro da situação, para justificar o fracasso de sua gestão, acontece vencer uma eleição.


Nenhum comentário:

Postar um comentário