sábado, 6 de dezembro de 2014

Um povo dividido apesar de não ter problemas


O chefe de uma tribo, que não tinha problemas, e que exercia seu papel com muito rigor, estava agora  atravessando momentos difíceis, porque seu povo não mais se entendia, como antes, e nem cumpria mais as tarefas,como de costume. Agora, o povo parecia completamente aborrecido.

O chefe havia determinado que cada grupo de 100 pessoas, fosse liderado por um representante, que deveria todos os dias, fazer um balanço rigoroso de como tinha sido o desempenho de cada um. Assim, 10 pessoas trabalhavam na liderança da comunidade. 

A meta era acabar os problemas, ou melhor, não deixar surgir nenhum, e cada representante de 100 estava determinado a descobrir, os que por ventura,  aparecessem por ali. Digo, no grupo. E não costumava a aparecer mesmo! Mas, quando aparecia, e ele não conseguia resolver, levava para o poder maior, que era formado por mais 10 pessoas, que fiscalizavam os dez líderes. E não tinha problemas, mesmo assim, o povo não estava se entendendo. E o chefe, ficando intrigado com a situação.

A coisa parecia meio complicada. Uma Aldeia com mil pessoas, liderada por dez, que eram vigiados por outros dez, e não tinha problemas,  ainda assim, o líder estava diante de um povo aborrecido. E isso já era um grande problema.

Aconteceu, que, ao saberem que eram vigiados, os dez líderes, que cumpriam suas tarefas rigorosamente, não gostaram de saber disso, porque assim, entendiam que não passavam confiança  ao chefe. E começaram a falar da insatisfação, para todos...que censuravam o chefe, ou que defendiam. E assim, a Aldeia estava dividida.   Uma oposição estava se desenhando ali.

Nenhum comentário:

Postar um comentário