quinta-feira, 10 de agosto de 2017

Bacabal/MA na Elaboração do PPA



O Plano Plurianual do Município, no que diz respeito à sua elaboração, é tarefa da sociedade. Fazer acontecer esse mesmo Plano, é tarefa também da sociedade, que está legitimamente representada por pessoas escolhidas de forma direta e transparente (pelos menos é assim que expressamos acerca das eleições diretas), e que, por essa razão, honrar o que é de direito e dever dessa mesma sociedade, muito embora os termos aqui expressos pareçam "filosofias",  é obrigação de quem a representa. 

O município de Bacabal, seguindo...digamos um cronograma da Constituição Federal de 1988 cumpriu, na tarde dessa quarta feira (09), no Auditório do Colégio São João Batista, no bairro da Assunção, em nossa cidade, a tarefa  do PPA ( Plano Plurianual).

*A Importância do Plano Municipal da Educação (PME) na Construção de uma Educação de Qualidade  (Discutido pela Secretaria de Educação) -Eixo I. 
*Promoção da Qualidade de Vida para a População Bacabalense (discutido pela Secretaria de Desporto, Cultura e Juventude) - Eixo II.
*Otimização da Gestão Administrativa Municipal (tratada pelas secretarias: Administração,Finanças, Convênio, Procuradoria e Controladoria, DMT e PROCOM) - Eixo III.
*Efetivação do SUAS e o Fortalecimento dos Direitos Sociais (discutido pela Secretaria de Assistência Social) - Eixo IV.
*Saúde Integral e Intersetorial (da Secretaria de Saúde, Secretaria da Mulher e SAAE) - Eixo  V.
Promoção da Gestão Ambiental, Fortalecimento da Agricultura, Agronegócio e Desenvolvimento Socioeconômico ( discutido pelas secretarias: Meio Ambiente, Agricultura e Secretaria de Desenvolvimento Econômico Emprego Renda e Turismo) - Eixo VI.

Os Temas acima discutidos pela sociedade, juntamente com governo, através  de suas respectivas secretarias  municipais, representam a necessidade de um povo, cujo direito de representá-lo diretamente, cabe ao prefeito escolhido. No nosso caso, Zé Vieira. Aos vereadores escolhidas, em número de 17 (não vamos citá-los por nome) e todos quantos estão, temporariamente empregados desse mesmo povo,  que tem  o dever maior de se manter organizado para ajudar a governar, que é o que mais interessa, e cobrar dos  que  pediram para estarem na dianteira. Porque, "Daquele a quem muito é dado, muito lhe será cobrado". Foi o que disse  Jesus Cristo, quando falava do Reino de Deus (Lucas: 12: 48).

 

































Nenhum comentário:

Postar um comentário