sábado, 14 de outubro de 2017

Secretaria de Assistência Social de Bacabal faz visita ao povo


Para encerrar a semana da criança, que comemorou o dia delas, 12 de outubro, a Secretaria de Assistência Social saiu em busca de famílias com maiores dificuldades financeira, levando em conta o número de filhos, problemas de saúde, dentre outros. E levou um simples brinquedo para cada criança e uma sesta para os pais.

A iniciativa é um paliativo conhecido, mas necessário, porque, tendo um pouco de comida para três ou quatro dias, digamos, o pai ou a mãe tem animo, ou pelo menos é o que se espera, para buscar um pouco mais, para mais alguns dias. Afinal, assistir e promover Ações Sociais, é o papel do Ministério da Ação Social e das Secretarias de Assistência Sociais, que querem se empenhar em dar "o seu melhor".

O encerramento, assim como foi o início, terminou em grupo. Todos juntos! A secretária Fábia fez questão, pois não se faz nada, sobretudo quando se trata de gestão pública, sozinho, e por isso mesmo não se pode aparecer sozinho...na foto. É o que a secretária demonstra com suas atitudes.

O local para encerrar o percurso, depois de uma boa caminhada, foi no studio de uma televisão, pelo fato da necessidade de se prestar contas com o povo do que para ele se faz.

Pode até parecer propaganda política, e é, porque tudo o que se divulga se propaga. Como por exemplo nas campanhas politicas, nos arrastões, onde muita gente participa e o povo, com razão pergunta: "se o candidato de vocês ganhar, será que ele (a) vai ainda visitar as ruas...?" Na realidade, conhecemos, digo, nós todos que formamos o povo, conhecemos como são as campanhas politicas e sabemos também que quase sempre, aqueles candidatos só são vistos no tempo de pedir o voto, porque a justiça eleitoral permite e considera legal. Contudo, senhores (a), voltar às ruas, enfrentar o sol, a poeira, a chuva e a lama, distribuir um pouquinho ao povo daquilo que a ele pertence, parece digno, já que é apenas uma parte do dever, como dizem, e mais uma vez com razão, os que criticam, sobretudo quando se trata de uma oposição, que mesmo conhecendo muito bem a política partidária, faz-se de esquecida e só reclama, quando na realidade o maior prejudicado, ou beneficiado, dependendo de como se faz, é o povo...do qual fazemos todos nós parte.

Só para lembrar,senhores (as), se tudo vai errado, pomos a culpa nos "políticos", porque assim nos desviamos de nossas responsabilidades. Mas, no caso do prefeito Zé Vieira, da primeira dama, sua esposa Patricia Vieira, de cada um dos secretários, e de cada um funcionário...servidor público municipal, o entendimento é que: Somos todos responsáveis, porque ganhando ou perdendo, quando o assunto é gestão pública, todos temos direitos e deveres. Muito obrigado.
























                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                        
                                                                                                         

Nenhum comentário:

Postar um comentário